terça-feira, 3 de novembro de 2015

O milésimo retrono

 
Já perdi a conta de quantas vezes fui e voltei, de quantas vezes me prometi, de quantas vezes pensei "agora vai". A constante da minha vida é querer perder peso sem conseguir. Vão-se cinco, voltam oito, vão-se oito, voltam dez, vão-se dez, voltam treze. Quantas partidas são necessárias para enfim chegar ao destino? Não imagino.
Honestamente, não sei se "dessa vez vai", não sei se o tradicional  #FocoForça&Fé vão ser efetivos dessa vez. A única coisa que eu sei é que aí vem mais uma tentativa, mais uma em um milhão, e que eu torço de coração para que seja a última e efetiva.
Perder peso envolve muito mais que dedicação, envolve harmonia. Harmonia entre corpo e mente, e isso sempre foi muito difícil para mim. Mas eu continuo tentando. Afinal, já dizia o grande mito de Sylvester Stallone, Rocky Balboa, "Não importa o quanto você bate, mas sim o quanto aguenta apanhar e continuar. O quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha."
#Apanha&Continua #MaisUmaVez #OTempoNãoPara
 

0 comentários:

Quem Lê

Tecnologia do Blogger.

E-mail